Dia Mundial de Proteção aos Manguezais é celebrado com ação de limpeza do Ministério do Meio Ambiente

No último sábado (24/7), foram realizados mutirões de limpeza integrados nos mangues do rio Formoso e do rio Mamucabas, nos municípios de Rio Formoso, Sirinhaém, Tamandaré e Barreiros, em Pernambuco, em celebração ao Dia Mundial de Proteção aos Manguezais, comemorado hoje (26/7). A ação, que resultou em meia tonelada de resíduos coletados, faz parte do Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar, lançado em 2019 pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA).

O mutirão de limpeza contou com 50 participantes, distribuídos em 2 grupos, e foi realizado conforme protocolos de segurança sanitária, mediante testagem, uso de máscaras e distanciamento social. A ação permitirá, além da recuperação desse importante ecossistema, obter informações necessárias às ações de controle e monitoramento, enfatizando a importância da prevenção da poluição e a necessidade do descarte adequado do lixo. Os materiais recicláveis foram triados e enviados para a associação de catadores de Tamandaré e o restante coletado foi destinado de forma ambientalmente adequada pelo Consórcio Portal Sul, integrado por municípios da Zona da Mata Sul de Pernambuco.

Os manguezais, além de serem o habitat de inúmeras espécies de peixes, crustáceos e moluscos, como siris, caranguejos, camarões e ostras, são berçário e área de alimentação para um número ainda maior de espécies que dependem destes ambientes para nascer, crescer e se desenvolver. A contaminação dos manguezais com resíduos sólidos compromete o funcionamento desses ecossistemas, afetando o ciclo de vida de diversas espécies e prejudicando a quantidade e a qualidade da vida aquática. Daí a importância de se evitar a poluição dos mangues, e quando a poluição já ocorreu, a limpeza destas áreas é essencial para a preservação da biodiversidade, e também para diversas atividades econômicas como a pesca, o turismo e a navegação.

A ação de limpeza, coordenada pela Secretaria de Qualidade Ambiental do Ministério do Meio Ambiente com apoio da Secretaria de Biodiversidade, do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e da GIZ, no âmbito do Projeto TerraMar, contou com participação da Secretaria Nacional de Aquicultura e Pesca (SAP/MAPA), da Marinha do Brasil, da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado de Pernambuco (SEMAS/PE), da Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente (ANAMMA) e de grupos que atuam em mutirões na região: Instituto Ecoeducar, Voluntários do Planeta, Manguezal Marítimo, Instituto Garis Marítimo e Associação de Catadores de Tamandaré.

Combate ao Lixo no Mar

O Plano de Combate ao Lixo no Mar, inédito no País, foi lançado pelo MMA em março de 2019 e contempla ações que vão desde a gestão de resíduos sólidos até ações de limpeza de praias, rios e mangues, com gestão dos resultados para melhoria contínua, com o objetivo de aprimorar a qualidade ambiental nas cidades e, consequentemente, proporcionar uma melhor qualidade de vida para as pessoas.

Saiba mais sobre o plano de Combate ao Lixo no Mar

Ascom MMA
(61) 2028-1227

Fonte Ministério do Meio Ambiente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *